Não somos 6 milhões , somos mais !!!!
Sábado, 17 DE Outubro 2009

 Jorge Jesus: «Monsanto tem motivação em alta»
TREINADOR SUBLINHA VALORIZAÇÃO DOS INTERNACIONAIS

 

 

Jorge Jesus abordou o encontro com o Monsanto, para a Taça de Portugal, referindo-se à formação ribatejana como "um adversário com níveis de motivação muito altos, o que pode servir para compensar as suas limitações técnicas e táticas".

O jogo com o emblema da 2.ª B, surge no seguimento de uma paragem forçada pelos compromissos das seleções nacionais. "Alguns jogadores foram às seleções e estão com ritmo de jogo. Os outros que cá ficaram tiveram condições de treino para poderem manter o nível", considerou o treinador.

A partida será realizada no Estádio Muncipal Dr. Alves Vieira, em Torres Novas, uma vez que o Campo do Pião, a casa do Monsanto, está em pleno processo de remodelação. Um fator que, dado o maior número de espectadores que o recinto torrejano pode acolher, constituirá uma boa receita na parte que toca ao emblema presidido por Vasco Aparício.

"No plano financeiro, as equipas têm aproveitado bem as visitas do Benfica", considerou o treinador das águias à Benfica TV.

Quanto ao desafio propriamente dito, Jesus admitiu algumas mudanças no onze inicial, o que, segundo o técnico, "não quer dizer que se trata de ter maior ou menor respeito pelo adversário", adiantando que Aimar, Di Maria e Maxi Pereira não deverão ser titulares, devido ao desgaste provocado pelas longas viagens à América do Sul.

"O Di Maria esteve bem no jogo com o Peru, tal como o Aimar. O Di María esteve melhor no primeiro jogo do que depois no Uruguai. Também porque apanhou o Maxi pela frente que também esteve bem", opinou Jorge Jesus quando instado a comentar a prestação do trio de águias envolvido na luta pelo acesso ao Mundial da África do Sul.

O treinador perdeu uma boa parte do plantel devido aos compromissos das seleções, algo que o treinador lamenta embora considere que se trata de um bom sinal: "O facto de os jogadores estarem onde estão revela a sua valorização. Já temos quatro jogadores no Mundial e isso é bom porque também valoriza o Benfica, além dos jogadores."

17 de Outubro de 2009 - Fonte "Record"
 
Benfica segura Roderick e Nélson Oliveira
 

 

Roderick renovou até 2017, Nélson Oliveira assinou até 2014. As cláusulas de rescisão são de 30 milhões.

Mais duas medidas de investimento a longo prazo: a SAD renovou com Roderick Miranda, central de 18 anos, e com Nélson Oliveira, avançado de 18 anos. Dois jogadores que os responsáveis encarnados consideram de grande futuro: Roderick assinou até 2017, ao passo que Nélson fica ligado ao clube até 2014. E tanto um como o outro ficam blindados por uma cláusula de rescisão no valor de 30 milhões de euros.

O caso do central é paradigmático: apesar de ainda relativamente desconhecido para o grande público, os olheiros de alguns dos clubes mais importantes da Europa já colocaram o seu nome no topo das bases de dados e, segundo apurou A BOLA, a SAD já recusou uma proposta do Barcelona para a aquisição do seu passe por valores na ordem dos 10 milhões de euros.

Nélson Oliveira é um avançado puro e com boa relação com as balizas contrárias (leva sete golos marcados em cinco jogos no presente campeonato de juniores) mas que também se sente confortável a descair para as alas. Natural de Barcelos, fez parte do seu percurso no Sp. Braga até ser recrutado para o Caixa Futebol Campus pelo departamento de prospecção na altura liderado por Bruno Maruta (hoje a exercer funções no Sporting).
17 de Outubro de 2009 - Fonte "A Bola"

 

 Uma dupla a estrear
NUNO GOMES E WELDON SÃO APOSTAS ATACANTES FRENTE AO MONSANTO

17 de Outubro de 2009 - Fonte "Record"

 

Jorge Jesus prepara-se para estrear uma dupla atacante no encontro de hoje, com o Monsanto, da 3ª eliminatória da Taça de Portugal.

Nuno Gomes, de 33 anos, ao que tudo indica, vai cumprir o terceiro jogo na condição de titular esta época, depois de ter sido primeira opção nos encontros da Liga Europa com o Vorskla Poltava, na Ucrânia, e com o BATE Borisov, na Luz, jogo no qual marcou um golo [o 21 faturou também com o V. Setúbal, para a Liga].

Ao lado do capitão benfiquista vai estar Weldon. O brasileiro, de 29 anos, contratado no defeso ao Sport Recife, ainda não fez parte das opções de JJ para a corrente época no que diz respeito ao onze inicial, apesar de já ter marcado 2 golos de águia ao peito: com o Vorskla Poltava, em casa, e na ronda inaugural da Liga, com o Marítimo.

Tudo indicava que o responsável técnico pelo conjunto da águia iria apostar em Keirrison para jogar na frente, mas o brasileiro apareceu lesionado nos dois últimos treinos da semana [ver página 9] e perdeu a oportunidade de, tal como Nuno Gomes, efetuar o terceiro jogo a titular pelos encarnados.

Além da nova dupla ofensiva, há outras alterações em perspetiva. É certo que Jesus vai gerir o esforço dos mais utilizados a pensar já no encontro de 5ª feira com o Everton, da Liga Europa.

17 de Outubro de 2009 - Fonte "Record"

 

Janela para Moreira
DEVE SER TITULAR PELA SEGUNDA VEZ ESTA ÉPOCA

 

Ao que tudo indica, Moreira será hoje o titular na baliza benfiquista frente ao Monsanto. Depois da oportunidade em Poltava, o guardião, de 27 anos, deve voltar a ser aposta de Jorge Jesus no encontro da Taça de Portugal.

Em final de contrato e com a SAD decidida a não avançar para a renovação, Moreira terá de aproveitar todas as oportunidades para mostrar serviço. Refira-se que Júlio César foi o guarda-redes preterido da convocatória pelo técnico.

Assim, começa a ficar evidente o critério seguido por Jorge Jesus na rotatividade na baliza. Quim joga na Liga Sagres, Júlio César na Liga Europa e Moreira deve ser o escolhido na Taça de Portugal.

Quanto ao resto do onze, há duas grandes dúvidas. A primeira prende-se com o flanco direito da defesa, podendo Rúben Amorim voltar a ser adaptado de forma a permitir a Maxi Pereira recuperar do desgaste provocado pelos jogos da seleção do Uruguai.

publicado por Sérgio Martins às 08:25
tags:
Sexta-feira, 16 DE Outubro 2009
David Luiz renova por mais duas épocas
CLÁUSULA DE RESCISÃO ASCENDE AOS 50 MILHÕES DE EUROS
 
O brasileiro David Luiz prolongou o contrato que o liga ao Benfica por mais duas épocas, estando agora comprometido com os encarnados até 30 de junho de 2015. Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários, a SAD benfiquista informa ainda que a cláusula de rescisão do jovem defesa de 22 anos está fixada nos 50 milhões de euros.
 
David Luiz chegou ao clube da Luz em 2007, por empréstimo do Vitória da Bahia, com o Benfica a acionar depois a cláusula de compra. O antigo internacional canarinho de sub-20 foi muitas vezes utilizado como lateral esquerdo mas, esta temporada, com Jorge Jesus, assumiu definitivamente a titularidade no eixo da defesa, sendo totalista no campeonato (com 2 golos apontados), ao lado de Luisão.
 

16 de Outubro de 2009 - Fonte "Record"

 

«Benfica é um gigante adormecido que despertou» - Figo
 
 

Terminou em Maio a ligação aos relvados mas não se desligou do futebol. Abraçou novos projectos, como o ‘Football Dream Factory’ e o cargo de Relações Internacionais no Inter. Em entrevista a A BOLA, Figo fala das novas etapas da sua vida mas também de outros temas actuais.

No âmbito da parceria estabelecida com A BOLA no âmbito do ‘Football Dream Factory’ – uma montra para todos os que sonham com o futebol -, Luís Figo começa por esclarecer a recente polémica criada em torno de Messi e Cristiano Ronaldo, mas fala também de Benfica e Sporting.

«O Benfica tem jogadores de qualidade; nos últimos anos gastou muito dinheiro a contratar jogadores; e agora tem um treinador novo, cheio de ambição. É lógico que tudo o que tem feito é com mérito mas o Benfica é um gigante adormecido que despertou. Quando as coisas começam a correr bem, quando o Benfica vence, é fácil ver que o País mexe. E as coisas têm corrido bem. Quando é assim, a atmosfera é positiva e há mais confiança. Vamos ver...», salienta. Já sobre o seu antigo clube: «O Sporting é um clube que segue uma filosofia adequada em Portugal, isto tendo em conta a crise não só no nosso país mas no mundo inteiro, e é lógico que isso tem os seus contras. Tem apostado na formação e Não tem gasto muito nas contratações.»
 

16 de Outubro de 2009 - Fonte "A Bola"

 
«Adeptos têm empurrado o Benfica para as vitórias» - Jorge Jesus
 


O treinador do Benfica considera que o jogo de amanhã com o Monsanto, para a Taça de Portugal, será um encontro difícil, porém, sublinhou que a equipa da Luz tem todas as condições para passar a eliminatória.

«A Taça de Portugal é uma prova de prestigio e há alguns anos que o Benfica não chega à final. Esse é o nosso primeiro objectivo. Para lá chegarmos, temos várias eliminatórias e vamos começar com o Monsanto. Podemos pensar que é um jogo fácil, mas não é. As equipas de outros escalões têm causado surpresas ao longo da história. São adversários com níveis de motivação muito altos e vai ser um jogo difícil mas temos todas as condições para passar a eliminatória», disse Jorge Jesus na conferência de imprensa de antevisão ao jogo com o Monsanto.

«Marcar cedo pode dar outra disponibilidade táctica à equipa, mas é fundamental que o Benfica jogue ao nível que nos tem habituado, independente dos jogadores que entrarem em campo», prosseguiu o treinador, acrescentando que os adeptos têm sido importantes na campanha vitoriosa da equipa: «Os adeptos do Benfica têm empurrado o Benfica para as vitórias. O estádio deverá estar cheio e penso que vamo-nos sentir em casa.»

O Benfica defronta amanhã, a partir das 18.15 horas, em Torres Novas, o Monsanto, em jogo da 3.ª eliminatória da Taça de Portugal.

16 de Outubro de 2009 - Fonte "A Bola"

 

publicado por Sérgio Martins às 08:18
tags:
Quinta-feira, 15 DE Outubro 2009

 

 

Jesus poupa titulares na Taça
 
 
Jorge Jesus promove várias alterações na equipa. Novidades em todos os sectores e poupanças a pensar no Everton. Dupla de ataque brasileira formada por Weldon e Keirrison.

Taça cheia de oportunidades. Jorge Jesus vai aproveitar o jogo com o Monsanto - sábado, em Torres Novas, a partir das 18.15 horas - para promover várias alterações na equipa-tipo. Em todos os sectores.

Limitado no quadro de opções nas duas últimas semanas de treinos - os encarnados chegaram a ter 11 futebolistas envolvidos nos trabalhos das respectivas selecções -, Jorge Jesus tem preparado a estreia, esta época, na Taça de Portugal sem perder de vista o primeiro dos dois jogos com o Everton para a Liga Europa. Por isso, é garantido que alguns dos atletas mais utilizados neste início de época (onde se incluem grande parte dos internacionais que só hoje e amanhã são esperados no Seixal) não vão fazer parte da primeira convocatória para a Taça. O que não surpreende, uma vez que Pablo Aimar, Di María, Maxi Pereira, Óscar Cardozo, Ramires e Luisão estiveram envolvidos em compromissos esta madrugada e só amanhã são esperados em Lisboa.

Em Torres Novas, é provável que Moreira volte a merecer a confiança da equipa técnica e seja o eleito para a baliza benfiquista. Um quadro de rotatividade a equacionar, até porque na Liga, Jorge Jesus tem apostado em Quim e na fase de grupos da Liga Europa a aposta tem recaído em Júlio César.

15 de Outubro de 2009 - Fonte " A Bola"

 

Treinador do Monsanto promete «atrevimento» frente ao Benfica
 
 
Vítor Alves, treinador do Monsanto, gostaria de poder surpreender o Benfica este sábado, quando as duas equipas se encontrarem em Torres Novas, casa emprestada.

«Com certeza que irá haver algum atrevimento da parte do Monsanto, mas temos de ser conscientes e consistentes na forma como esse atrevimento vai ser posto em prática», disse Vítor Alves, mostrando bom conhecimento do adversário: «O Benfica já fez 10 ou 15 jogos esta época e foram muitos poucos aqueles em que não fez golos nos primeiros minutos. Neste tempo de jogo em que o Benfica conseguiu marca cedo, acabou por vencer esses jogos. Esses minutos poderão ser determinantes para como gerir os 90 minutos de jogo.»

O técnico tem tentado incutir nos jogadores o pensamento de que é possível fazer algo de positivo. «Tudo me passa pela cabeça, como aos jogadores. Se pensarmos que é possível um resultado positivo, então temos de, com todas as nossas forças, ir à procura dessa possibilidade, mínima, é verdade. Mas se é possível vamos trabalhar no sentido de tornar possível esse sonho», disse à Rádio Renascença.

 

 15 de Outubro de 2009 - Fonte " A Bola"
 
«Jogar com Benfica é um sonho», diz o capitão do Monsanto
 
 
O Benfica visita o Monsanto em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal e o guarda-redes Nuno Martins, capitão da turma ribatejana, considera que será um desafio «igual a tantos outros», pese assumir que «jogar contra o 'Glorioso' é o sonho de qualquer jogador».

«Sem dúvida que jogar contra o Glorioso é o sonho de qualquer jogador e da colectividade pelas circunstâncias que envolvem este jogo», disse Nuno Martins, em declarações à ‘TSF’, acrescentando ainda que será um encontro difícil, pois «se a concentração tem de estar sempre nos índices mais elevados, contra os melhores atacantes da Europa e do Mundo tem de estar mesmo no topo.»

«Mas a partir do momento em que o árbitro apite para o início do jogo, vai ser mais um igual a tantos outros», salienta.

Já o médio João Martins considera que a partida com os «encarnados» será para «desfrutar», «dar o melhor e trabalhar para que o resultado seja positivo», não rejeitando uma vitória: «Tudo é possível, desde que haja trabalho.»

O avançado Alex deseja marcar um golo à turma da Luz, mas reconhece que «não vai ser tarefa fácil». «Estamos tranquilos para esse grande jogo. Temos trabalhado bem e espero estar em grande nível, assim como o resto da equipa», rematou.

15 de Outubro de 2009 - Fonte " O Jogo"

Felipe Menezes tenta ganhar espaço na equipa

 

Felipe Menezes aponta Aimar como exemplo a seguir. "Como o técnico aposta muito no trabalho táctico, estou sempre próximo dele e por isso observo com atenção tudo o que faz para tentar fazer parecido", confessou em declarações à Benfica TV.

"Quando temos oportunidade, conversamos durante os treinos. É um jogador muito técnico e, apesar de existirem também muitos jogadores de qualidade no Brasil, é difícil encontrar, em todo o mundo, um jogador como ele", sublinhou o novo camisola 24 das águias, que apontou ainda o "momento maravilhoso" que El Mago atravessa.

Encantado com a nova aventura na sua carreira, o jovem futebolista elogiou bastante o seu treinador.

"É muito exigente, o que é importante para dar o melhor. Tem falado muito comigo para que me movimente mais e assuma mais o jogo", esclareceu, realçando: "O futebol brasileiro é muito diferente, por isso ele tem falado comigo para que me adapte rapidamente."

"Estou muito feliz num clube tão grande como o Benfica", afirmou, adiantando: "Já fiquei a conhecer a força dos adeptos e agora procuro conquistar o meu espaço a cada dia."

15 de Outubro de 2009 - Fonte " O Jogo"

 

 

 

Dupla para sempre!

 

 

Está tudo acertado: ao que O JOGO apurou, David Luiz e Luisão vão renovar os respectivos contratos por mais duas temporadas, vendo naturalmente os seus salários revistos. A SAD encarnada deverá anunciar oficialmente o prolongar dos vínculos nos próximos dias. O camisola 23 fica seguro até 2015 - tal como Di María -, enquanto o internacional brasileiro estará ligado ao emblema da Luz até 2013. Os acordos conheceram fortes avanços nos últimos dias, com a presença do empresário de ambos os atletas, Giuliano Bertolucci, em Lisboa.

Tal como O JOGO adiantara em primeira mão, a sociedade anónima benfiquista estava disposta a aumentar o salário de David Luiz, mas na condição de uma revisão também ao nível dos anos de contrato, cenário que agora ficou encerrado com a extensão por mais duas épocas. A cumprir a sua 4ª época de águia ao peito, o jovem formado no modesto Vitória da Bahia verá o seu salário dobrar e aproximar-se do patamar onde agora está, por exemplo, Di María: cerca de um milhão de euros anuais. Titular indiscutível para Jorge Jesus, o central é um dos activos mais valorizados na SAD, que vendeu 25 por cento dos direitos económicos do jogador ao Benfica Stars Fund por... 4,5 milhões de euros.

No caso do subcapitão, as conversações estavam há muito alinhavadas, mas faltava ainda limar arestas. O JOGO sabe que, apesar de o jogador estar no Brasil ao serviço da selecção canarinha, a sua renovação está totalmente acertada, e o central finalmente verá também reconhecida na folha salarial a sua importância no balneário e nas quatro linhas. Todavia, este aumento só começará a ter expressão a partir da próxima época, uma vez que está previsto um incremento progressivo.

Com esta renovação, Luisão fica ligado às águias até aos 32 anos - esta é já a 7ª época do jogador na Luz -, bem mais perto, portanto, de um cenário que sempre viu com bons olhos: terminar a carreira na Catedral e assumir depois um outro papel na estrutura do clube. No último Verão, a SAD benfiquista recusou propostas para a saída do patrão da defesa, com especial destaque para uma dos ingleses do Everton.

Já David Luiz tem igualmente despertado a cobiça de vários emblemas da Premier League, pelo que os responsáveis encarnados não pensaram duas vezes em estender ainda mais o contrato do jogador de 22 anos, agora seguro até... aos 28. Estas renovações vêm na linha de uma política da SAD no sentido de segurar as suas pérolas. Ainda há bem pouco tempo, Di María e Cardozo também renovaram. 15 de Outubro de 2009 - Fonte " O Jogo"

publicado por Sérgio Martins às 07:55
tags:
Quarta-feira, 14 DE Outubro 2009

 

 

O povo quer circo
AIMAR E A HISTÓRIA DA ALCUNHA DA QUAL NÃO CONSEGUE DESFAZER-SE

 

A Argentina ganhou ao Peru e só depende de si própria para chegar ao Mundial da África do Sul, mas é de crise que se fala quando se debate a seleção. O país não se revê no futebol que a equipa nacional pratica e Aimar, de 29 anos, é visto como a chave para devolver o circo ao povo. El Payaso (O Palhaço) não consegue desfazer-se da alcunha que Enrique Gastañaga lhe deu há 12 anos. Encontrámos o jornalista do "Clarín" e recuámos no tempo. "A Argentina não ganhava o Campeonato sul-americano Sub-20 há 30 anos, mas conquistou-o em 1997 com Aimar como estrela. Depois de ter feito uma grande exibição contra o Paraguai, eu descrevi-o como um palhaço e pegou. Ele divertia-se em campo e era divertido vê-lo jogar", conta Gastañaga, que admite que o privilégio de colocar alcunhas costuma estar reservado aos relatadores de rádio e televisão.

 

A história é conhecida e poderia ter tido um desfecho distinto se o melhor jogador daquele torneio não tivesse aceite, no final da prova, mascarar-se. Aí sim, surgiu o incómodo. "O problema veio com a produção fotográfica em que se vestiu mesmo de palhaço. Passaram a gozá-lo e ainda hoje me maldiz devido à alcunha que lhe pus", confessa o jornalista, que acompanhou ainda, meses mais tarde, a gloriosa campanha dos Sub-20 argentinos no Mundial da Malásia, que também conquistaram. Anos volvidos, a transferência para Espanha deu novo nome ao médio, que passou a ser conhecido por El Mago. No país natal, todavia, é El Payaso que ainda vinga. A Argentina espera que o benfiquista devolva a fantasia à seleção e que, tal como em 1997, comande a equipa a um grande troféu. Para tal, há que resistir no Uruguai, onde a equipa de Maradona aterra hoje, pelas 19 horas locais.

 

14 de Outubro de 2009 - Fonte "Record"

 

 

  David Luiz: «Sou um privilegiado»
CENTRAL OFUSCA COENTRÃO E CÉSAR PAULO EM TORRES NOVAS

 

David Luiz deu show em Torres Novas. O Benfica joga nesta cidade no próximo sábado à tarde - frente ao Monsanto em jogo a contar para a Taça de Portugal -, mas hoje o central brasileiro mostrou-se super à vontade perante mais de 300 crianças do 1.º Ciclo da Escola Visconde S. Gião.

"Sou um privilegiado por jogar no Benfica", disse o defesa, sempre bem disposto e sorridente, em resposta a mais uma pergunta dos irrequietos miúdos que lotaram o auditório.

Fábio Coentrão e César Paulo, este elemento do plantel do futsal, também participaram na primeira iniciativa da época referente ao projeto "Benfica faz bem" da responsabilidade da Fundação dos encarnados.

Mais tímidos, ambos lá foram respondendo insistindo na ideia de jogarem no "maior clube do mundo". Após 15 minutos de conversa, os atletas seguiram viagem para Lisboa até porque há treino à tarde.

14 de Outubro de 2009 - Fonte "Record"

 

 

 

 

 Moreira com adeus à vista
GUARDA-REDES TERMINA CONTRATO NO FINAL DA ÉPOCA E NÃO VAI RENOVAR

 

Moreira termina contrato no final da presente temporada e a SAD não vai renovar com o guarda-redes que chegou à Luz há mais de uma década. Aos 27 anos, o internacional português - jogou no particular diante do Liechtenstein - deverá ter de rumar a outras paragens para prosseguir uma carreira que chegou a ser comparada à de Iker Casillas.

 

Tal como Record avançou ontem, os responsáveis encarnados querem contratar em janeiro um guardião de renome internacional. Dada a vontade de renovar com Quim e a chegada recente de Júlio César, sobra... Moreira.

Aposta firme de José Antonio Camacho aquando da primeira passagem do espanhol pelo clube, Moreira manteve o lugar com Trapattoni. Só que a goleada (1-4) sofrida no Restelo - onde o guardião até esteve em bom plano - custou a titularidade e foi Quim a fazer o percurso que culminou com o título.

 

Ronald Koeman voltou a apostar em Moreira por ser o mais jovem, mas uma lesão de alguma gravidade no joelho direito obrigou-o a parar vários meses. A carreira que se previa brilhante ficou em suspenso e só voltou a dar sinais de alguma vitalidade com Quique Flores.

 

 

 

 

 

publicado por Sérgio Martins às 07:58
tags:
Terça-feira, 13 DE Outubro 2009

 

 

Viagem às raízes de Di María
 

Da estreia no pelado do El Torito até à Luz. Pai Eugénio foi o cicerone de A BOLA.

À hora marcada chegamos a Rosário, 300 quilómetros a noroeste da capital federal da Argentina, cidade com mais de um milhão de habitantes que há 21 anos, num bairro modesto próximo do centro, viu nascer Angelito Di María.

Deixámos para trás Buenos Aires onde na véspera a selecção de Maradona ganhara ao Peru (com aflição, mas o que conta é a vitória) com ajuda de um filho da terra. Embora por estes dias seja o nome de São Palermo que faz sorrir os hinchas... Di María deixou já o seu cunho e ganha o seu espaço na selecção.

Fomos, então, à descoberta das raízes de Di María (Di Magia, como alguns adeptos da águia já lhe chamam), conhecer as dificuldades que teve de enfrentar para vencer no futebol até chegar ao pedestal onde se encontra actualmente: titular do Benfica, titular da selecção conduzida por Diego Maradona.

À espera da reportagem de A BOLA, Andrés Miranda, agente do jogador na Argentina, dá-nos as boas vindas e rapidamente nos conduz até à casa da família Di María, onde na rua, junto à garagem, o patrono da família, Eugénio Miguel, envergando uma camisola do mais recente equipamento alternativo benfiquista, nos brinda com um sorriso amigável. Limpa ainda os resquícios da tempestade que na véspera assolou toda a região e recorda a viagem de regresso de Buenos Aires após o jogo da selecção. «Choveu intensamente durante todo o caminho, chegámos bastante tarde... Que tormenta!»

Antes de seguirmos viagem pelos palcos pisados na infância pelo único filho varão da família Di María, somos convidados a conhecer o santuário privado do jogador, que é como quem diz o espaço onde se encontram as recordações da sua carreira, desde fotos diversas a camisolas dos seus clubes, Rosário e Benfica, e da selecção. Em destaque uma alvi-celeste com uma dedicatória especial: «Para Angelito con todo mi cariño». Assina, Diego 10 Maradona. Há também recordações de alguns jogos, uma das últimas a medalha conquistada com a vitória na edição deste ano da Eusébio Cup.

Surgem a mãe, Diana, e a namorada, Jorcelina. Esta de saída, despede-se até Montevideu, onde amanhã estará a apoiar o noivo com quem reside em Lisboa. «Vai ser um jogo muito complicado para a Argentina», atira sorrindo. Seguramente que sim.

'El Torito' e 'La Perdriel'

Está na hora de começarmos a visita. Como a todas as crianças, a presença de uma bola por perto desperta os sentidos e os de Di María ficavam ainda mais sensíveis. A paixão talvez venha do seu pai. «Também joguei futebol até aos 18 anos, quando uma lesão grave nos ligamentos acabou cedo com a minha carreira. Era rápido como ele, embora não tão inteligente na definição das jogadas», diz Eugénio.

A primeira etapa conduz-nos até ao Clube El Torito. Fica paredes meias com o bairro La Perdriel, local onde o clã Di María viveu até há pouco tempo. Um relvado mal tratado esconde, ainda assim, as agruras de um pelado que outrora castigava os aprendizes. Um grupo de petizes, vestidos a rigor com o equipamento desta escola de futebol, fica curioso com a nossa visita. Terão sensivelmente a mesma idade que Di María tinha quando por lá andou mas já sabem de ali saiu um dos actuais jogadores da selecção argentina.

Já que estamos próximos, Eugénio Di María faz questão de que fiquemos a conhecer a primeira casa da família, em La Perdriel, agora alugada a terceiros. Modesta, no meio de um bairro sem vestígios de riqueza. «Nas traseiras está ainda a carvoaria que foi o nosso sustento. Carreguei muitas sacas de carvão às costas desde a entrada da casa até às traseiras para depois vender o carvão pela cidade. Fui uma das muitas vítimas das desastrosas políticas do presidente Carlos Menem: trabalhei durante oito anos numa refinaria, quando ele chegou fechou as instalações, foram mais de 20 mil pessoas para o desemprego. Com o pouco dinheiro que me deram da indemnização consegui montar este negócio da carvoaria. Ganhava-se pouco, com muitas dificuldades, mas sempre honestamente. Foram esses os ensinamentos que toda a vida tentei passar para Angel.»

13 de Outubro de 2009 - Fonte " Record"

 

Lázio abre a porta a El mago

 

Pablo Aimar está a viver um dos momentos mais importantes da sua carreira, depois de várias épocas de altos e baixos devido a lesões, e esse crescimento não tem passado despercebido a alguns dos principais clubes europeus.

Desta vez, é a Lázio que pisca o olho ao camisola 10 das águias, tal como foi recentemente revelado pelo seu empresário, Gustavo Mascardi, em declarações recentes ao "Diário de Notícias". O JOGO ouviu o director-desportivo do emblema romano e este desmentiu qualquer abordagem... para já. Mas não conseguiu esconder o seu fascínio pelas qualidades de Aimar. Igli Tare recorda que ainda é cedo para fazer uma avaliação às necessidades do plantel, mas está atento.

"Aimar? Não é um assunto actual. Não é verdade que tenhamos perguntado por ele. No entanto, não sei o que vai acontecer amanhã. Veremos como estão as coisas em Janeiro", referiu o dirigente.

O albanês, antigo jogador do clube Laziale, tem seguido as exibições do internacional argentino e não esconde que se sente seduzido pela sua qualidade. "Aimar é um grande jogador, ninguém pode pôr isso em dúvida. Mas é do Benfica. Penso que em Outubro não faz sentido falar de mercado...", sublinhou o homem forte do futebol do emblema celeste.

O JOGO sabe que não chegou até esta altura nenhuma abordagem à Luz sobre Pablo Aimar. Mas, se surgir alguma oferta em Janeiro, a resposta já está preparada: não. Os responsáveis do Benfica não admitem sequer ouvir propostas pelo jogador, a menos que surja alguém disposto a pagar os 20 milhões de euros previstos na cláusula de rescisão.

 

 

Apesar de já ter 29 anos, Aimar tem também no seu contrato uma elevada cláusula de rescisão. Quem quiser fica com El Mago, terá de pagar 20 milhões de euros. Por menos, o Benfica nem sequer aceita conversar

13 de Outubro de 2009 - Fonte " O Jogo"

 

Carlos Martins não tem raiva, tem vontade de vencer

 

Carlos Martins revelou ontem, em declarações à Benfica TV, o estado de espírito da equipa. O médio-ofensivo recordou também o golo que marcou em Paços de Ferreira, o segundo das águias, e a forma como o festejou. "Fiquei feliz por regressar após mês e meio. Foi o meu primeiro golo, fiquei feliz, todos gostam de marcar. Só quem anda no futebol sabe como é difícil marcar. O que as pessoas apelidam de raiva eu chamo vontade de ganhar, vontade de vencer. Vou festejar sempre assim, é algo que está dentro de mim", referiu o jogador, explicando, ao mesmo tempo, a sua saída prematura do relvado no embate com o Paços de Ferreira devido a lesão. "Fiz um estiramento nas costas", revelou.

Ponderado, Carlos Martins não quer entrar em euforias, até porque aproximam-se maiores dificuldades. "As vitórias trazem confiança e união. Sabemos que ao longo do Campeonato as coisas não vão ser ser assim. Aí vamos ver a força do grupo", comentou, apontando já baterias para o jogo o próximo compromisso oficial da equipa - Monsanto, para a Taça de Portugal. O camisola 17 diz que o Benfica não pode facilitar: "Temos de ser uma equipa coesa. Não podemos deixá-los respirar. Temos de tentar metê-los lá no cantinho deles para sentirem quem está lá para ganhar."

13 de Outubro de 2009 - Fonte " O Jogo"

 

Mundial em tons de vermelho

 

 

O Campeonato do Mundo de 2010, na África do Sul, pode vir a ser o mais encarnado de sempre. Ao todo, poderão ser 11 os jogadores benfiquistas presentes no certame, superando assim o Inglaterra' 66, de boa memória para os portugueses, onde sete atletas do Benfica estiveram presentes, todos em representação de Portugal.

Na nossa Selecção, é quase certo que Nuno Gomes esteja nos 23 escolhidos por Carlos Queiroz, no caso de Portugal conseguir a qualificação. O avançado benfiquista é o jogador português mais internacional ainda em actividade e poderá somar a sexta presença consecutiva em grandes competições internacionais (Europeus e Mundiais).

Nos já apurados Brasil e Paraguai, são praticamente certas as chamadas de Luisão, Ramires e Cardozo. O central, o médio e o avançado são presenças assíduas nas respectivas selecções, sendo considerados imprescindíveis pelos seus seleccionadores.

Com boas hipóteses de figurar também no Mundial encontram-se os argentinos Di María e Aimar. Após a vitória sobre o Peru, a Argentina ficou numa posição mais tranquila na luta pelo apuramento, bastando-lhe um empate no Uruguai para praticamente carimbar o passaporte. Como Diego Maradona é um confesso admirador do futebol dos dois jogadores, é de prever a sua inclusão nos 23 seleccionados.

A situação do Uruguai é um pouco mais complicada, mas ainda assim as hipóteses de conseguir o apuramento são boas. A equipa de Maxi Pereira encontra-se no quinto lugar da zona sul-americana, que dá acesso ao play-off com uma equipa da América do Norte, Central e Caraíbas, muito previsivelmente as Honduras.

A correr por fora, há ainda quatro futebolistas encarnados: Quim, César Peixoto, Saviola e Javi García. O guarda-redes não é chamado desde a derrocada de Brasília, mas está num bom momento de forma e pode voltar às contas de Queiroz. César Peixoto já foi chamado por duas vezes, embora não seja aposta constante do seleccionador. Saviola renasceu na Luz, depois de uma travessia no deserto em Madrid, e espera a chamada de Maradona. Javi García nunca foi convocado para a selecção espanhola, mas o seleccionador da Roja, Vicente del Bosque, afirmou há poucas semanas estar "atento" à grande época do médio em Portugal.

Regista-se o facto de apenas em 1978 o Benfica ter aberto as portas a jogadores estrangeiros, o que explica a ausência de jogadores encarnados em Mundiais até ao Itália 90, sendo as excepções os Campeonatos do mundo em que Portugal participou: Inglaterra'66 e México'86, com sete e seis jogadores do Benfica nas suas fileiras, respectivamente. Os contingentes brasileiro e sueco que participaram no Itália 90 marcaram o ponto de viragem.

 

Quase certos

Luisão

Ramires

Cardozo

Nuno Gomes

 

Com Boas hipóteses

Di María

Aimar

Maxi Pereira

 

Ainda com esperança

Quim

César Peixoto

Saviola

Javi García

13 de Outubro de 2009 - Fonte " O Jogo

 

 

 Manchester City quer Ramires
  CASO FALHE CONTRATAÇÃO DE RIBÉRY

 

 

13 de Outubro de 2009 - Fonte " Record"

 

 

 

O Benfica não está disposto a vender Aimar em janeiro, apesar do assédio da Lazio. A única forma de o camisola 10 abandonar a Luz na reabertura do mercado é algum clube pagar a cláusula de rescisão de 20 milhões de euros, o que não se afigura exequível dada a crise financeira que assola o mundo do futebol.

O empresário de Aimar, Gustavo Mascardi, confessou recentemente que o presidente da Lazio, Claudio Lotito, o havia contactado, tendo ficado agendada uma reunião para o próximo mês na cidade de Roma.

Quem não está minimamente interessado no resultado desse encontro é a SAD do emblema da Luz. Rui Costa sabe perfeitamente que o internacional argentino é influentíssimo na manobra da equipa de Jorge Jesus e uma saída extemporânea poderia fazer ruir a ambição de conquistar o título nacional. Além disso, uma eventual participação no Campeonato do Mundo terá tendência a deixá-lo ainda mais valorizado.
 

 

13 de Outubro de 2009 - Fonte " Record"

 

 

 Baliza em estudo
ENCARNADOS QUEREM CONTRATAR EM JANEIRO UM GUARDIÃO DE RENOME INTERNACIONAL

 

A baliza do Benfica deve voltar a "mexer" em janeiro, estando a SAD encarnada a ponderar a possibilidade de contratar um guarda-redes experiente e de renome internacional, daqueles que "entre de caras" no onze.

O investimento das águias para esta temporada ultrapassa os 25 milhões, mas o certo é que quem dirige os destinos do clube sente que a equipa às ordens de Jorge Jesus ainda tem um ponto um pouco mais débil, a baliza. Não que qualquer dos três guarda-redes seja fraco, pelo contrário, mas a verdade é que o valor de todos eles é "apenas" bom. Como não há um que se destaque naquela que é, talvez, a posição mais importante de uma equipa, a SAD pensa partir para a contratação de um fora-de-série. A entrada de um jogador deste género daria uma maior estabilidade a um sector que, hoje em dia, possui três galos para um poleiro.

 

 

13 de Outubro de 2009 - Fonte " Record"

 

 

Águias não abdicam de Aimar
APESAR DO ASSÉDIO DOS ITALIANOS DA LAZIO

 

 

 

O Manchester City terá Ramires como segunda alternativa caso falhe a contratação de Franck Ribéry, no próximo verão. O médio francês representa um investimento de 65 milhões de libras (mais de 69,5 milhões de euros), o benfiquista valerá uma proposta de 25 milhões (mais de 26,7 milhões, em euros).

 

O diário inglês "The Sun" escreve que o clube tem 100 milhões de libras (mais de 106,8 milhões de euros) para investir em reforços, 20 milhões (21,3 milhões de euros) dos quais destinados ao lateral-direito do Inter de Milão, Maicon, já na reabertura do mercado de transferências.

publicado por Sérgio Martins às 08:02
tags:
Segunda-feira, 12 DE Outubro 2009

 

 

Argentina rende-se a Di María
 
 
De Rosário apoio familiar para o jovem esquerdino. Palermo foi herói mas benfiquistas foram influentes na vitória da selecção de Maradona. Aimar antevê dificuldades frente ao Uruguai.

Parecia que as lágrimas de 40 milhões de argentinos queriam inundar o lotado estádio Monumental, casa do River Plate, tamanho o dilúvio que tombou dos céus à hora de um jogo decisivo para a Argentina. O temporal não impediu a vitória da selecção celeste graças a um tremendo ambiente com 50 mil almas a vibrar, a cantar, a puxar de início ao fim pela sua selecção, mesmo quando a bola era mal tratada no relvado, o que aconteceu com frequência num desafio de baixo nível tendo em conta a quantidade de estrelas envolvidas no espectáculo (verdade, Messi?).

No final, o estádio gritou por Martin Palermo, do Boca Juniors, que marcou aos 90+3, mas analisando à lupa o jogo impossível não distinguir a fundamental influência de dois jogadores que também se destacam na Liga portuguesa: Aimar e Di María foram pilares da selecção de Maradona, com maior destaque para o jovem esquerdino. Foi ele que encontrou espaços quando outros se atrapalhavam, carrilou ataques sucessivos pela esquerda, teve papel activo no golo que fez chorar a Argentina de felicidade, ao acreditar no cruzamento de uma bola que parecia perdida da esquerda para na sequência Palermo dar a vitória. Rematou uma vez, mas fez seis cruzamentos, alguns mortíferos a cheirar o golo. Na globalidade, foi o melhor jogador em campo. Maradona agradeceu, os argentinos rendem-se ao seu talento.

A força de Di María (último a deixar o Monumental, em silêncio, por força da ida ao controlo anti-doping) encontra alento na sua família. A A BOLA surpreendeu todo o clã reunido, como que em cerimónia, preparando-se para entrar no estádio, organizando-se em grupos, pois os bilhetes eram para diferentes sectores. O pai, Eugénio, sempre a liderar, a mãe, as irmãs, os primos e também a namorada, elemento mais recente da família. Vieram todos de Rosário, a quase 300 quilómetros de distância de Buenos Aires para dar força ao petiz. Eugénio traz uma camisola celeste que Di María usou num dos últimos jogos que efectuou: «Não a vendo. Nem que me dessem uma fortuna», diz, orgulhoso. Sabe que o filho vai ser titular, junto de Aimar, e acredita que a dupla benfiquista pode ajudar a Argentina a ultrapassar os seus fantasmas. «Seria lindo se Di marcasse». Não o fez. Mas foi determinante.
 
12 de Outubro de 2009  - Fonte " A Bola "
 
Investimento compensa
GARCÍA, RAMIRES E SAVIOLA RENDEM UM TERÇO DOS GOLOS
 
 O forte investimento feito pelo Benfica nesta temporada parece estar a dar retorno, e sinal disso é o facto das contratações mais caras terem rapidamente convencido treinador e adeptos. Um trio de luxo...

Ramires, de 22 anos, custou 7,5 milhões de euros e foi o mais caro dos reforços, mas rapidamente o Queniano deu nas vistas e assumiu papel preponderante no onze de JJ, contabilizando até ao momento 4 golos.

Nem é preciso sair do meio-campo para falar de outro reforço, que custou apenas menos meio milhão de euros aos cofres encarnados do que o brasileiro. Javi García, também de 22 anos, é fundamental na estratégia de jogo do treinador, um elemento de extrema importância para o equilíbrio da equipa. Soma 2 golos.

Mais barato, mas claramente acima da fasquia dos 2 milhões, está Saviola, que muito cedo mostrou um entendimento perfeito não só com Cardozo, mas também com o compatriota Aimar. Sem perder a noção da baliza, o argentino, de 27 anos, fulminou as redes adversárias em 4 ocasiões.

rentabilidade. É um facto que o trio custou 75 por cento do investimento total, de 25,4 milhões de euros, mas também é significativo que juntos rendem um terço dos golos da equipa. Mais do que isso, são os únicos reforços que já se fixaram no onze.

O Benfica de Jesus contabiliza 31 golos e Saviola com os dois médios levam já 10. O investimento está a dar retorno e a fazer esquecer outras apostas, como são os casos de Patric (cedido ao Cruzeiro de Belo Horizonte) e Shaffer, que ainda não convenceu totalmente.

 
12 de Outubro de 2009  - Fonte " Record "
 
 
 
Aimar: «Estar no Mundial e ganhar a Liga»
RENASCE NA ARGENTINA E PROJETA "CENÁRIO PERFEITO"

Pablo Aimar está nas nuvens. Não dá para disfarçar. Reencontrou o seu melhor futebol e conseguiu a titularidade à primeira convocação na era Maradona. O regresso à seleção e ao Estádio Monumental foi abrilhantado com uma assistência para golo e uma vitória que soou a milagre. Nada que a Igreja Maradoniana não tivesse previsto, mas para El Mago o futuro faz-se de objetivos concretos que não passam unicamente pela alviceleste. "Tudo me está a correr bem. É claro que quero estar no Mundial com a Argentina e seria perfeito se pudesse ganhar a Liga com o Benfica. Seria fantástico", disse a Record, minutos depois de ter festejado o triunfo (2-1) sobre o Peru. A cabeça do médio está também em Portugal: com Di María, rejubilou com a vitória em Paços de Ferreira, que mantém as águias nos calcanhares do Sp. Braga.

É no coletivo que Aimar se centra, mas esta é também uma hora de avaliação individual. "Agradeço muito ao Benfica pela forma fantástica como me tratou desde que cheguei a Portugal", direcionou. O nosso jornal envia a mensagem diretamente para a Luz, onde o argentino espera brilhar ainda mais. É essa a melhor forma de retribuir o muito que, garante, os encarnados têm feito por si. "No início não estive bem, mas agora estou ao meu melhor nível e estou muito agradecido a todo o clube. Todos têm feito muito por mim", insistiu, sem negar que as suas ambições de carreira projetam um regresso ao River Plate. Até lá, Aimar tem sonhos de vermelho e branco e que remetem para um tempo muito específico: em maio, quer ser campeão português.

Não é em vão que El Mago salienta o papel do Benfica no renascimento do seu futebol. Sendo um jogador que se exprime na zona de definição, o 10 encarnado colhe os frutos da mentalidade ofensiva do seu clube e da capacidade finalizadora relevada por todo o coletivo. "Claro que isso me beneficia, estou encantado por estar numa equipa que marca tantos golos", salientou. Aos 29 anos, Aimar está de volta e promete alegrias para a nação encarnada e para a seleção de Diego Maradona.

 

12 de Outubro de 2009  - Fonte " Record "

 

Após 11 jogos consecutivos sem derrotas, o Brasil perdeu na Bolívia, por 1-2, em jogo da 17.ª e penúltima jornada da qualificação sul-americana para o Mundial'2010, que servia apenas para cumprir calendário.

Com os benfiquistas Luisão e Ramires no onze, o escrete, já apurado para o Mundial'2010, foi derrotado pela Bolívia, treinada por Erwin Sanchez, antigo jogador do Boavista e do Benfica, que já não tinha qualquer hipótese de qualificação.

 

Na altitude de La Paz (3600 metros acima do nível do mar), Olivares, aos 10 minutos, e Martins, aos 30, deram vantagem aos "verdes", enquanto Nilmar reduziu a diferença, aos 70.

Este resultado permitiu ao Paraguai, vencedor do confronto com a Venezuela (2-1), igualar o Brasil no topo da classificação, com 33 pontos.

 

Apesar de ocupar a penúltima posição da zona, a Bolívia voltou a derrotar um dos gigantes sul-americanos, depois de ter goleado a Argentina, por 6-1.

12 de Outubro de 2009  - Fonte " Record "

 

Cardozo tão rápido como Drogba
TACURA DEMOROU 2 MINUTOS A MARCAR

 

Dois minutos. Este foi o tempo que Cardozo demorou a marcar no embate com a Venezuela. Tão rápido como o Tacuara foi o marfinense Drogba. Mais veloz do que ambos nesta jornada de qualificação para o Campeonato do Mundo da África do Sul apenas o tunisino Jomaa.

O ponta-de-lança do Benfica, de 26 anos, entrou em campo aos 77 minutos, numa altura em que o Paraguai batia o conjunto venezuelano por 1-0, no Estádio Cachamay, localizado em Guayana. Aos 79 minutos, segundo a informação que consta na ficha de jogo da FIFA, o camisola 7 das águias - enverga o mesmo número no selecionado paraguaio - finalizou na perfeição um contra-ataque rápido, ampliando a vantagem da sua equipa. A bola foi-lhe endossada por Edgar Benítez e ele, já de ângulo um pouco apertado no lado esquerdo, disparou cruzado em direção ao poste mais distante, enganando o guarda-redes que esperava um remate ao primeiro poste. Otento do Tacuara foi bastante festejado pelos companheiros, enquanto os adeptos enfatizaram o facto de o avançado ter aproveitado na seleção - onde não costuma ser muito produtivo - a veia goleadora demonstrada na Luz.

 

Contabilizando o remate certeiro desferido ontem frente à Venezuela, Cardozo marcou em sete dos últimos oito encontros em que participou: V. Setúbal (3), Belenenses (1), BATE (1), U. Leiria (1), Leixões (2) e Paços de Ferreira (1).

A exceção a esta regra foi a visita a Atenas, que teve lugar entre a receção ao Leixões e o duelo da Mata Real. Na sequência de uma exibição cinzenta, oBenfica foi derrotado (0-1) pelo AEK em partida referente à 2.ª jornada da fase de grupos da Liga Europa.

O Tacuara ficou em branco mas esteve quase a fazer o gosto ao pé. Na sequência de uma falta cometida sobre Di María, a cerca de 25 metros das baliza e em zona frontal, Cardozo (vai descansar no próximo sábado, diante do Monsanto para a Taça) cobrou um livre direto com o pé esquerdo, disparando forte e colocado e proporcionando uma defesa espetacular a Saja.

 

12 de Outubro de 2009  - Fonte " Record "

 

Rúben Amorim a cem por cento

 

Rúben Amorim a cem por cento

O Benfica continua a preparar a partida da terceira eliminatória da Taça de Portugal contra o Monsanto, no próximo dia 17 de Outubro, com uma boa noticia vinda do departamento médico: Rúben Amorim está recuperado da respectiva lesão e já pôde treinar sem limitações. Na sessão, conduzida à porta fechada, Jorge Jesus continuou a não poder contar com os 11 jogadores dispensados para as selecções. Por outro lado, Luís Filipe, Fábio Coentrão e Carlos Martins treinaram condicionados. Para colmatar as várias ausências, o treinador benfiquista chamou Tiago Ribeiro, Mário Rui, Fábio Carvalho, Alexsandro Silva, Rômulo Santos e Diogo Caramelo para treinar com o restante plantel principal. O Benfica regressa aos trabalhos neste sábado, pelas 10h30, outra vez no Caixa Futebol Campus, mas desta vez com porta aberta aos adeptos.

 

 

Prémio Miklos Fehér para "perpetuar" a memória do jogador

O prémio Miklós Fehér, uma parceria entre a antiga escola do futebolista em Gyor, na Hungria, e o Benfica, pretende manter bem viva a memória do jogador, vítima de morte súbita em 2004. Decorridos cinco anos desde a morte de Fehér em pleno Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, nos instantes finais de um jogo da Liga portuguesa, a antiga escola do futebolista na Hungria propôs ao Benfica a criação de um prémio que "perpetuasse" a memória do avançado. "No quinto aniversário da morte do Miki decidimos estabelecer um prémio, porque queríamos manter a memória, que ele não fosse esquecido. Falámos dos nossos planos ao Benfica, que os aceitou", revelou Ágnes Csobodné, directora-adjunta da escola. Os primeiros galardoados com o prémio - ambos da escola de Gyor - estão ligados ao fenómeno desportivo: um jovem campeão mundial júnior de tiro em movimento, Laszlo Boros, e um antigo professor de Fehér e também ele futebolista, nos anos 60. Laszlo Keglovich recorda os anos 60 e o dia em que defrontou o Benfica no antigo Estádio da Luz, pelo Vasas Gyor, mas também o facto de
Prémio Miklos Fehér para "perpetuar" a memória do jogador

ter sido professor de Fehér, um jovem húngaro "com potencial" para o futebol. "Tenho boas memórias do Miki, de quem fui professor. Era um jogador talentoso", referiu o professor premiado, referindo que regressa terça-feira à Hungria com "boas memórias". Este ano, ao contrário do que acontecia desde 2005, o Benfica deixou de assinalar, na visita a Guimarães, a morte do seu antigo jogador, com a perspectiva de passar a assinalá-lo e lembrá-lo de outra forma. "Foi assumido que já tinha passado o tempo suficiente para o relembrar dessa forma. Ao invés de recordá-lo pelo local onde morreu, queremos recordá-lo e homenagear pelo que foi em vida", sublinhou o director de comunicação do Benfica, João Gabriel. O prémio agora instituído permitirá que anualmente um estudante e um professor da escola de Gyor possam visitar Lisboa e acompanhar "mais perto" a vida do Benfica, no seu estádio e no seu centro de estágios. Miklos Fehér morreu aos 24 anos no final de um jogo em que o Benfica defrontava o Vitória de Guimarães. O jogador não resistiu a uma paragem cardio-respiratória e a sua morte foi confirmada já no hospital.

 

12 de Outubro de 2009  - Fonte " MSN Desporto "

 

 

Regresso aos treinos
Benfica prepara Monsanto sem internacionais

Ainda sem contar com os jogadores que representam nesta altura as respectivas selecções nacionais, o Benfica treinou no Caixa Futebol Campus tendo em vista preparar a deslocação ao terreno do Monsanto, relativo à 3.ª eliminatória da Taça de Portugal.

Os únicos condicionados neste apronto foram Shaffer (tratamento, depois de ter sofrido uma lesão muscular no adutor direito) e Luís Filipe (treinou condicionado, visto ter um estiramento muscular no adutor da coxa direita). Esta tarde de segunda-feira treinaram os Juniores Nélson Oliveira, Edson Silva e Ademir Santos.

O regresso ao trabalho está marcado para as 10h30 de terça-feira, no Caixa Futebol Campus, realizando-se à porta fechada

 

12 de Outubro de 2009  - Fonte " Benfica "

publicado por Sérgio Martins às 08:06
tags:

Noticias

 
 
Barcelona quer manter Keirrison no Benfica mais uma temporada
 
 
O secretário técnico do Barcelona não está preocupado com o facto de Keirrison, que custou 14 milhões de euros, não estar a jogar com regularidade no Benfica e afirmou que o avançado brasileiro deverá ficar mais uma temporada ao serviço do clube português.

11-10-2009 - Fonte " A Bola "

 

 

Maradona viu todos os jogos do Benfica
 
 
O regresso de Pablo Aimar à selecção argentina, mais de dois anos depois de a ter representado pela última vez, não foi obra do acaso.

O eco das boas exibições protagonizadas pelo 10 encarnado atravessaram o Atlântico, é verdade, mas ainda assim o facto de os jogos do Benfica não serem transmitidos neste país - e no que toca a resumos apenas os dos golos - levou muita gente a desconfiar que o seleccionador Diego Maradona estava «louco» de vez, tendo em conta, por exemplo, que Riquelme não tem entrado nas opções de El Pibe.

Maradona estava, porém, muito bem documentado quando chamou Aimar e Di María de regresso às pampas. O seleccionador argentino e os seus colaboradores mais próximos tiveram acesso a nada menos que 14 dvd's com os jogos completos do Benfica desta temporada, oficiais e alguns particulares incluídos. Pelusa constatou, por isso, o bom momento de forma do 10 e a melhoria de rendimento contrastando com o que protagonizara na época passada.

Desde que assumiu o comando da selecção da Argentina que Maradona sentia necessidade de contar com um jogador com as características de Pablito Aimar, até porque Riquelme, 10 do Boca Juniors, não tem entrado nas suas opções. «Aimar é a minha fraqueza», chegou a dizer o seleccionador argentino face ao apagão que o jogador teve praticamente desde que se mudou para o Saragoça e na primeira época na Luz.

Esta temporada, com Jorge Jesus e com um trabalho físico específico e intenso - elaborado em consonância com a equipa técnica e com o departamento clínico -, Aimar renasceu e rapidamente Maradona se apercebeu dessa situação. Na primeira oportunidade, a convocatória só surpreendeu mesmo os mais incautos... entre eles quase 40 milhões de argentinos.

11-10-2009 - Fonte " A Bola "

 

publicado por Sérgio Martins às 01:54
tags:
Quarta-feira, 07 DE Outubro 2009

Crónica do jogo:

 

Mais uma vez o adversário do Benfica vem jogar à "retranca" e acaba por levar uma cabazada de mão cheia .Uma grande vitória do glorioso contra tudo e contra todos . Um jogo em que prevaleceu a lei da "sarrafada" , os leixonenses ficaram reduzidos a 9 elementos tudo por culpa própria pois não abdicaram de um jogo violento . Apesar de pressionar o Benfica via chegar perigosamente o intervalo com o marcador a zero e a perspectiva de um ferrolho ainda maior junto à baliza leixonense na segunda parte a crescer.Foi por isso providencial o livre apontado pelo mais recente reforço da equipa de... Maradona aos 45'+3': Aimar pingou para a área, e David Luiz, se assim se pode dizer, resolveu o jogo, subindo mais alto que todos - que não saltaram - e oferecendo a tranquilidade do 1-0 imediatamente antes do apito que terminava a primeira parte.

A segunda parte arrancou com a natural gestão da vantagem ante uma equipa em desvantagem numérica por parte do conjunto orientado por Jorge Jesus. Até novo momento fulcral na história de mais uma goleada: Aimar e Saviola resolvem partir a defensiva leixonense, João Capela pune com penálti derrube na área de Nuno Silva sobre o criativo 10 e expulsa o central. Cardozo bate em força e não falha, o Benfica eleva a vantagem no marcador , para dois (2-0 ). A partir daqui o jogo tornou-se mais fácil , o que acabou por se traduzir em massacre . Ramires acabou por fazer mais um golo , Maxi estriou-se nos golos marcando o quarto golo e Cardozo encerrou a contagem concluindo de cabeça uma excelente jogada colectiva do glorioso .

Uma nota positiva para os adeptos , no apoio à  equipa . Os  ânimos dos 43 283 adeptos -  Benfica-Leixões teve apenas menos 3228 no estádio do que o clássico do Dragão!

"Cilindrar" vai sendo um termo a ser usado com regularidade na Luz.

 

 

 

Estádio da Luz

relvado bom

43283 espectadores

Equipa Inicial
Jogador CA CV Subs G
12 Quim        
4 Luisão 21'      
6 Javi Garcia     62'
 
 
7 Cardozo      
55'
88'
8 Ramires      
74'
10 Aimar 45+2'   73'
 
 
14 M. Pereira      
81'
20 Di María        
23 David Luiz      
45+3'
25 César Peixoto        
30 Saviola     70'
 
 
 
Equipa Inicial
Jogador CA CV Subs G
25 Diego        
3 Benítez        
4 Tucker 36'      
7 Hugo Morais 57'      
15 Pouga 21' 26'    
17 Wenio 39'      
18 Cauê     79'
 
 
20 Laranjeiro        
21 Tiago Cintra 18'   62'
 
 
26 Leo     58'
 
 
27 Nuno Silva   54'    
 
Suplentes
Jogador CA CV Subs G
13 Julio Cesar        
5 R. Amorim     73'
 
 
18 F. Coentrão     62'
 
 
19 Weldon        
21 Nuno Gomes     70'
 
 
24 F. Menezes        
27 Sidnei        
 
Suplentes
Jogador CA CV Subs G
1 Berger        
8 Zé Manel     62'
 
 
10 Fábio Espinho        
13 Joel     58'
 
 
22 Nelson        
28 Jean Sony        
30 Trombetta     79'
 
 

Legenda
CA - Cartão Amarelo; CV - Cartão Vermelho; Subs - Substituição; G - Golos; ag - auto-golo

Equipa técnica

Benfica

Treinador principal: Jorge Jesus

Leixões

Treinador principal: José Mota

Os Golos :

 

1º Golo

 

 

 

Golo do Benfica! David Luiz cabeceia para o fundo das redes, após livre indirecto apontado por Aimar

 

2ºGolo

 

Golo do Benfica! Cardozo marca em força uma grande penalidade, sem hipóteses para o guardião Diego!

 

3ºGolo

 

 Golo do Benfica! Ramires encosta para o fundo das redes, após cruzamento na esquerda de César Peixoto!

 

4º Golo

 

Golo do Benfica! Maxi Pereira remata colocado já dentro da área, na sequência de uma jogada que começou com um pontapé de longe de Di Maria, defendido por Diego!

 

5º Golo

 

Golo do Benfica! Cardozo cabeceia de forma irrepreensível, após mais um cruzamento na esquerda de César Peixoto!

 

 

publicado por Sérgio Martins às 01:38
tags:
Outubro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
18
20
22
23
24
25
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
arquivos
2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
O Benfica parece um Oceano, com tantos adeptos a d...
Posts mais comentados
mais sobre mim
blogs SAPO